segunda-feira, dezembro 08, 2008

Caderno de Rabiscos para Adultos Entediados no Trabalho

Algum tempo atrás eu prometi a mim mesmo que não iria mais comprar livros que não estivessem nas listas de mais vendidos ou então que fossem sugestão de pessoas em quem eu confio. Tomei esta decisão depois de comprar alguns livros cuja sinopse e título prometiam uma boa leitura. Depois de algumas páginas eu percebia que seria mais um caso daquele em que eu terminaria a leitura apenas para não ficar com peso na consciência de ter gasto dinheiro à toa.

Mas como ninguém é perfeito, dias atrás li uma entrevista de Claire Faÿ em uma revista que assino. Ela falava sobre o seu livro "Caderno de Rabiscos para Adultos Entediados no Trabalho" (Editora Intrínseca). Achei divertido e interessante e fui procurar o tal livro. Reproduzo parte de sua sinopse abaixo:

Este é um passatempo altamente recomendável para todos os que se sentem estressados no ambiente profissional. Longe das intrigas de escritório, das fofocas de corredor e das reclamações rotineiras, Caderno de rabiscos - para adultos entediados no trabalho funciona como uma válvula de escape ideal para a pressão de funcionários indignados e/ou insatisfeitos.

A autora garante risadas ao propor brincadeiras e "atividades" com seu olhar crítico e bem-humorado sobre o ambiente corporativo. Sem efeitos colaterais ou contra-indicações do departamento de RH, esse livrinho provocante é um sucesso em vários países europeus - permaneceu um ano nas listas de best-sellers franceses, garantiu sua posição entre os dez livros mais vendidos naquele país em 2007, e foi traduzido em dez línguas. Aumentará a popularidade de qualquer um na empresa. ...


Achei legal, divertido, assunto bom para o fim de ano e tal. O livro é baratinho, pensei que valeria a pena. Me enganei redondamente. O livro é simplesmente ridículo. Traz em suas poucas páginas desenhos pra completar e colorir, folhas em branco pra desenhar, figuras pra recortar, etc. Meu filho de 2 anos adorou! Não sei como alguém tem coragem de fazer um livro (se é que posso chamar "isso" de livro) desse. E pior, ainda acha editora disposta a publicá-lo. E em 10 línguas !!!

Resumindo: não comprem. É barato, mas não vale a pena. Serviu de aprendizado pra mim: prometo novamente não comprar livros sem boas indicações. Ah, e outra coisa, não confio mais nos franceses.

11 comentários:

Anônimo disse...

Tarciso, concordo inteiramente. Comprei o livro com base na sinopse que achei bastante interessante, mas, realmente, ridiculo é pouco para este livro.

Assim como você, já cometida inumeras vezes o engano de adquirir livros pelo que esta descrito na sinopse.

Se você souber de algum livro muito bom, por favor, indique. Obrigada.

Tarcísio Manzan de Mello disse...

Olá, primeiramente gostaria de agradecer seu comentário. Pelo que percebi não fui só eu que não gostei do "Caderno de Rabiscos".

Bem, você não deixou nome, nem e-mail para eu lhe fazer algumas indicações de bons livros. Fico no aguardo.

Abraço

Camila disse...

Uma dica para vocês: deem uma olhada no livro ante de comprá-lo. Garanto que é muito melhor do que receber indicações, olhar em sinopses, olhar a lista dos "best-sellers" ou qualquer outra coisa. Só você sabe do que gosta de ler.
Não estou aqui para defender o caderno de rabiscos (...), mas para dar uma sugestão que pode lhes poupar uma grande quantidade de dinheiro e tempo lendo os livros que não gostam.

Tarcísio Manzan de Mello disse...

Obviamente que comprar um livro somente por indicação ou por estar em lista dos mais vendidos é garantia de que vá gostar. Realmente cada um tem um gosto. Mas ajuda muito, é um importante filtro. Dar uma olhada no livro é uma ótima dica, se bem que principalmente em livros texto também não será garantia de satisfação visto que não faz sentido ler o livro inteiro na livraria. Mas ajuda, sem dúvida. No caso do "Caderno de Rabiscos" comprei direto pela internet. Se tivesse tido curiosidade de vê-la em alguma livraria com certeza teria poupado tempo e dinheiro. Obrigado pelo post Camila.

Raquel disse...

Eu simplesmente adorei o livro (se bem que livro não é mesmo um nome adequado). Achei muito divertido, ainda mais pra quem trabalha em escritório. Não, eu não comprei e não compraria pra mim. Compraria pra um presente pra uma pessoa com senso de humor.
Eu vi ele na Livraria Cultura e virei ele do avesso lá. Normalemente, nas livrarias a gente consegue folhear o livro e ver o conteúdo.
Já li alguns livros, assim, ao acaso e gostei. Outros não. Geralmente eu leio por indicação. Nem os mais vendidos eu não confio.

Enfim, opiniões são opiniões.
Abraço.

Tarcísio Manzan de Mello disse...

Oi Raquel, obrigado pelo comentário. Você tem toda a razão, gosto é gosto e opiniões são opiniões. De qualquer modo é legal você ter escrito dizendo que gostou do livro. Mais importante que opiniões são opiniões contrárias, que geram debate.

Eu falei "mal" do "livro" justamente por não concordar com a sinopse divulgada pela editora. Acabou gerando uma decepção muito grande. Se explicassem melhor e fossem mais honestos, não teria comprado o livro e por consequência não falaria mal dele.

Que bom que você deve oportunidade de vê-lo na livraria. Esse contato pessoal é sempre muito importante.

Abraço !

Aline disse...

Caderno de Rabiscos - já pressupomos que ao comprar uma pequena brochura por R$ 12,00 não encontraremos um livro sobre física quantica. Adoro este "livro". Primeiro, por que cumpre o que promete e é muito engraçado, realmente leve e perfeito para pessoas com senso de humor. Hoje em dia, com tantas resenhas, informações, opiniões e oportunidade de ver os livros antes de comprar, acho bastante imprudente comprarmos coisas sem saber! rs, a internet nos prega peças! Para quem busca um passatempo, eu recomendo! =)

Tarcísio Mello disse...

Oi Aline, obrigado pelo comentário e pela visita. Quanto ao livro, respeito sua opinião, mas eu justamente acho que ele não cumpre o que promete. Eu o comprei há muito tempo, época em que encontrei poucas informações. Também não custava só 12,00. Quem lê a resenha dele na Saraiva por exemplo, espera mais. De qualquer forma, cada livro tem seu público e é democrático que se fale bem e mal. Um grande abraço.

Rodrigo Barros disse...

Pô Tarcísio, qual parte do título ficou obscura? Talvez um caderno de rabiscos seja um Caderno de Rabiscos no final das contas... Vi na Cultura também,achei hilário. "Pausa para fumar nº 1 - Pinte seus brônquis de preto." Genial!

Tarcísio Mello disse...

Olá Rodrigo, obrigado pela visita ao blog.

Na verdade eu não disse que alguma parte do título tinha ficado obscura. Só entendi que mesmo um caderno de rabiscos poderia ser uma coisa mais elaborada, sei lá. Apesar de respeitar a opinião de todos, continuo achando que poderiam ter caprichado mais.

Abraço !

asdfgpofmeposfhsdfg disse...

É apenas um "Caderno de Rabiscos", o título não mente.
Esse livro é ótimo para quem trabalha em ambiente de escritório, como eu... impossível não rir! Ridícula é a nossa situação estressante e esse caderno de rabiscos ironiza tudo isso... eu achei ótimo.

Estou lendo ...